Obstetrícia Voltar

Avaliação Biofísica do Risco Fetal

Avaliação fetal preferencialmente pela via transvaginal, com o Doppler-Colorido. O exame deverá ser realizado preferencialmente entre 11 a 13 semanas de gravidez. Entre outras variáveis, será medida a Translucência Nucal (TN), visualizado o Osso Nasal (ON),  e avaliado com o doppler-colorido o fluxo sanguíneo no Ducto Venoso fetal (DV). Trata-se de marcadores que se associam ao risco deste feto possuir alguma Síndrome Citogenética, dentre elas a Síndrome de Down. Marcadores normais apontarão para  a diminuição de riscos, e por outro lado, marcadores anormais indicarão aumento de risco. No laudo será incluído o cálculo do risco fetal para alterações cromossomiais.  

 

Preparo prévio do exame: Esvaziar a bexiga antes do exame(bexiga vazia)
Unidades que realizam o exame: USB Ipanema e USB Icaraí
Resultado do exame: a entrega do laudo ocorrerá em 10 a 20 minutos após a realização do exame