Medicina Fetal Voltar

Amniocentese

 

A ammniocentese, é sem sombra de dúvidas um dos procedimentos invasivos obstétricos mais antigos, trata-se da punção da cavidade amniótica para a retirada de determinado volume de líquido amniótico contendo células e produtos de origem fetal.

 

A partir da análise do líquido amniótico, e do seu conteúdo, podemos realizar inúmeros estudos visando o diagnóstico de uma série de doenças fetais. Podemos realizar dosagens de certas proteínas, praticar análises bioquímicas, estudo do DNA, e principalmente o cariótipo feta l(estudo citogenético). A determinação do cariótipo fetal é a principal indicação de amniocentese na atualidade, utilizada nas mesma situações de biopsia de vilo corial. Através do líquido amniótico feita por PCR específico, podemos ainda pesquisar infecção fetal.

 

A amniocentese é realizada através de punção abdominal guiada pelo Ultrassom, onde endereçamos a cavidade amniótica para a coleta do material. Por ser orientada pelo Ultrassom, não teremos risco de traumatismo fetal direto.

 

Trata-se de procedimento indolor, sem necessidade de preparo especial prévio e com baixos riscos associados.

 

O risco de abortamento associado ao exame é o de aproxidamente 0.3 a 0.4%.

Damos preferência pela realização do exame a partir de 15 semanas de gestação, visto que nesta fase torna-se procedimento de menor risco e de execução mais fácil.

 

Preparo prévio ao exame: Não há necessidade de preparo especial.
Cuidado pós-exame: Repouso relativo por 24-48 horas.
Resultado do exame: O laudo oral será informado em média de 1 a 3 semanas, dependendo do tipo de exame.

A entrega do laudo escrito ocorrerá no máximo em 30 dias.
Maiores informações: Entrar em contato com o consultório.